terça-feira, 17 de maio de 2011

Pensão 2

Ontem foi a primeira audiência para resolver a pensão alimentícia da minha filha, Luna. Também resolvemos a guarda e dias de visitas. Nossa, saí tão esgotada de lá que parecia que um caminhão tinha passado por cima de mim.

Claro, a guarda é minha. Sobre a pensão... Nossa!! Nem dá para imaginar o valor oferecido. Pior é a empresa em que o Mr Pai trabalha dar um contracheque bem diferente daquele compatível à renda mensal dele. Mas... "Brasil, meu Brasil brasileiro...."

Esta semana recebi um email de uma leitora do blog que me perguntou o que eu achava da maternidade independente, ou seja, de uma mulher buscar a inseminação artificial para realizar o seu desejo de ser mãe. Sinceramente, o episódio de ontem me fez pensar muito. A mãe que optar por este projeto nunca terá que discutir com o banco de sêmen pela guarda, pelas visitas e nem pela pensão.

Não haverá sempre alguma mágoa do relacionamento que poderá ser passado para a historia da criança, se não for bem elaborada. Vocês não irão discutir quem irá batizar o bebê. Você não terá que ficar cuidando se falam assim ou assado do Mr Pai na frente da sua filha para não influenciá-la. Vocês não irão concordar sempre sobre a educação ou religião dela.

Todas historias tem seus prós e contras. Basta nós decidirmos qual o nosso Happy End com nossos babies!

10 comentários:

  1. Acho uma grande safadeza o fulano nao querer arcar com as responsabilidades paternas.

    Mas ainda bem que a Luna tem voce!

    ResponderExcluir
  2. Mexer no bolso deles é pisar nos calos!
    Incrível!
    Mas, enfim... Luna vai crescer.
    Beijo, Amiga.
    Cinthya

    ResponderExcluir
  3. Estou me preparando p/ mais essa batalha...como se já não bastasse passar a gravidez toda sozinha, quando Alice nascer tenho q correr atrás disso tbm! Difícil...

    ResponderExcluir
  4. E' muito duro pra maes como somos ter que enfrentar isso ainda.
    Minha filha tem 2 anos e 4 meses e o pai nunca ajudou com nada, entrei com o pedido de alimentos e ele nem encontrado pelo oficial foi. Uma vergonha, ha dois anos ele nao a ve pra nao ter que arcar com a pensao. Isso e' ser pai?

    Mari

    ResponderExcluir
  5. A parte do homem é bem fácil neh?? Vai lá, faz o filho e beleza. A mãe que cuide, pague as contas, leve no médico, deixa oportunidades passar, fica noites em claro com o bb doente...
    É muito simples deixar toda responsabilidade pra mãe. É muito triste ter q ouvir do pai do bb q ele só vai ajudar em algo quando sair o teste de DNA. Mesmo sabendo oq fez. Dá até uma raiva dos homens desse mundo. Mas, apesar de todas as dificuldades que iremos enfrentar, somos fortes o bastante pra superar tudo isso. E receberemos um amor tão incondicional que eles nunca vão saber oq é. :)
    Em breve tbm estarei brigando na justiça por pensão alimentícia... Adorei o blog, Flavia. Parabéns pela Luna!!! A minha menininha vai chamar Alice como a de cima aí.. :) bjinho

    ResponderExcluir
  6. Produção independente acho que somente para aqueles que não conseguem conviver com outra pessoa ou acham que não gostam de alguém suficiente para se ter um filho. A responsabilidade é enorme, mas ninguém tem um filho planejado achando que vai se separar. Eu tô decidido a casar com a minha namorada e ter filhos, mas se não der certo, não vou me arrepender, nenhuma fase, seja ela boa ou ruim, é duradoura.

    ResponderExcluir
  7. No momento (03 de junho) falta 8 dias pro meu BB nascer, me separei do pai dele bem no inicio da gravidez (6 semanas) e ele nem se "mexeu" nesse tempo todo, eu continuei a trabalhar e a pagar todas as minhas contas pq trabalho por conta propria, ou seja, se trabalhar ganho, se não trabalhar não ganho, mas tive ajuda de muiiita gente, amigos, familia, ex namorado, enfim, o tempo passou, estou qse tendo meu filho e ate agora ele nada fez...resolvi entao ligar e ele nao atende, nao retorna, sumiuuu...

    ResponderExcluir
  8. Homem é tudo igual...incrível, só muda o endereço. Eles amam seus filhos, mas esquecem que eles comem, se vestem, precisam de cuidados...os direitos eles sabem direitinho, já os deveres...

    ResponderExcluir
  9. quem ta passando pr esta setuaçaõ e minha filha
    ia casar agora no fim do mes foi abandonada ela entrou na justiça pois o cara e as irmaos que era amiga da minha filha disseraõ que fica com a crianção que tem contiçaõ eles se achaõ eu estou do LADO DA MINHA FILHA CLARO DETALHE ELA TRABALHAVA NA EMPRESA DELE FOI DEMIDADA COM A MAÕ FRENTE E OUTRA ATRAS SE ELA NAÕ TIVESE FAMILIA TAVA PASANDO FOME MAIS NOS SOMOS UMA FAMLIA E EU E MEU MARIDO E OS IRMAOS ESTAMOS COM ELA MAIS ELE TEM PAGAR HOJE EM DIA E MUITO NORMAL SAIR EMGRAVIDANDO AS MULHER E DEIXANDO TUDO NAS COSTA DA MULHERES EU TENHO 2 FILHOS HOMEM SO QUE AQUI FILHO MEU NAÕ VAI ABANDONAR NETO MEU POR AI SEI QUE MINHA FILHA DEVERIA TER TOMADOS CUIDADO MAIS O CARO FALAVA QUE O SONHO DELE ERA TER UM FILHO GENTE EU TO SEM CHAO IMAGINA MINHA FILHA DETALHE ELE JA TA SAIDO COM OUTRAS MULHERES POR AI GENTE ESTA LEI É MUITO BOA PAI TEM QUE PAGAR PENSÃO SIM MEU NOME E ELIZETE

    ResponderExcluir
  10. olá....sei que já passou um tempo que vc escreveu isso, mas estou vivenciando isso agora, tira uma dúvida minha....como foi estabelecida as visitas? Dia, hora? Me ajuda! Dia 16 vou ter a primeira audiência!

    ResponderExcluir