quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Conhcendo a força do provérbio...

"É na necessidade que se conhece o amigo", Provérbio Popular.

Hoje eu estava conversando com uma grávida solteira pelo msn e ela me perguntou se na minha gravidez as "amigas" também haviam sumido. Sim, as poucas amigas que eu tinha na cidade não me chamavam mais para nada. Nem um telefonema, nem um email...
Para quem não sabe, quando engravidei, eu morava há sete meses aqui e conhecia poucas pessoas. É uma cidade do interior e não bastasse ser difícil entrar na "panelinha" eu ainda era uma "grávida solteira". Se antes eu já era uma carioca que falava chiado, tinha uma tatuagem de caju no ombro e andava de havaianas na rua, agora eu havia virado também uma grávida solteira.
E nas jantas, onde iam enfiar a amiga prenha solteira no meio dos casais? E também não dava mais para ir para a balada com as solteiras. Mais solidão. Mais telefonemas para o pai da minha filha pedindo colo (e ele NÃO ESTAVA DISPONÍVEL PARA NÓS). De perto eu só tive duas ou três amigas e a minha família. Eu tive que contar mesmo é com o apoio virtual. Tenho que agradecer muuuito uma amiga me deu "colo" - e ainda dá - full time. Outra também me ajudou muito e me fazia rir.
Confesso que até algumas amigas antigas do Rio com quem eu mantinha contato, quando souberam da minha gravidez "relâmpago" me decepcionaram. De repente, percebi algumas pessoas mais preocupadas com o pai da minha filha, em saber o que ele ia fazer, em quanto tempo estávamos juntos, em detalhes do relacionamento, do que no que eu estava sentindo e passando.
O importante é que este momento serve como uma "peneira" na vida da gente. Dizem na Astrologia que o retorno de Saturno passa na nossa vida para nos livrar de tudo aquilo que está com prazo de validade vencido e deixa somente aquilo que vai permitir o nosso desenvolvimento, acrescentar...
Então, se esta fase está servindo para fazer uma "limpa" na sua vida aproveite e exercite o desapego. O feng shui acredita que guardar um monte de coisas inúteis só acorrenta a sua vida. Por isso, não se apegue àquilo que paralisa a sua vida (seja ressentimento de alguém que não sabe retribuir seu carinho, amizade no momento que você mais precisa, etc). Isso deixa sua vida estagnada. Dê espaço para as novidades e amizades mais sólidas. Relações que permitem que você desfile por aí com sua barriga linda e pontuda, leve e solta com as suas havaianas e sem alianças :)
E além disso se orgulham de você por ser quem você é.



11 comentários:

  1. Que lindo... adorei sobre a varredura... é assim mesmo, em dado momento, temos que fazer exatamente isto, é dolorido e como é.
    Mais depois o alívio de ter deixado uma tonelada para trás não tem preço.
    Um beijo querida.
    espero sua visita

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga que tive o prazer de conhecer num momento de dificuldade, mas o que seria de nós "mães solteiras" se não fosse blogs iguais aos seus, lembro me até hoje quando te conheci e a grande admiração que criei por você, talvez já tenha dito isso mas repito, você é motivo de incentivo, força e esperança até pra quem já não tem mais nenhuma.As vezes um blog pode ser um motivo de desabafo, mas saiba querida amiga que seu blog tem um grande impacto num momento de desespero e como nos ajuda.Beijo grande pra vc e Luninha

    ResponderExcluir
  3. Ai...como amo tudo o que escreve, e esse texto arrasou!!! Parabéns, continue firme, forte e linda...bjos de uma fã maior.....

    ResponderExcluir
  4. Ah...e conheço bem essa história do "desaparecimento" de "amigos"!!!!!!!! Pena deles...rs, que perderam a nossa companhia e dos nossos lindos e guerreiros filhos!!!

    ResponderExcluir
  5. Ah Flávia...
    Eu tive as amigas presentes, Graças a Deus!
    Poucas se afastaram, aliás, AMIGAS mesmo ficaram todas. Eu só não podia mesmo era ir pra balada, mas...
    As pessoas de fora me olhavam atravessado... Uma barriga, uma mulher e... e... Cadê o marido?
    Rsrsrs
    Ai ai!!!
    Haja saco pra esse povo de mente pequena que em nada ajuda na hora de um aparreio!
    Beijos!
    Cinthya

    ResponderExcluir
  6. Concordo contigo, Flavia.

    Jesus já dizia: uma árvore se conhece pelos frutos. E eu adendo: os amigos também.

    Em muitas encrencas amigos reais se apresentaram, os simpaticos e legais, sumiram.

    Confesso, não sou muito simpatico, falo demais, sou sem querer inconveniente às vezes mas na hora H, estou disponível para ajudar com o que tenho e com o que sei.

    Bjocas pra vc e pra neném.

    ResponderExcluir
  7. Tenho muito orgulho de ter você como amiga! Mulher guerreira, autêntica, verdadeira, amiga sincera e carinhosa. Amo vc e Luninha! beijos

    ResponderExcluir
  8. Seguinte: manda geral ir se catar!
    Vc e sua princesa são muito mais que isso. E AMIGOS de verdade são aqueles que mesmo de longe, podem estar por perto mesmo que através da tela do computador.
    Beijocas querida.

    ResponderExcluir
  9. Realmente só os amigos de verdade ficam do seu lado quando você precisa, os outros só estão com você quando vc está "numa boa", vc só REALMENTE conhece as pessoas que vc considera amigas nessas horas de aperto. Mas o conselho que te dou é: siga em frente e quanto aquelas pessoas que não te deram importância daquele momento, não dê importância a eles agora.

    Bjs
    Rafa
    rafadeoliveira-tudosobrequalquercoisa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Boa!!! Que só os ótimos fiquem. Concordo que a vida fica melhor assim.

    Beijão,

    Bela - A Divorciada

    ResponderExcluir